Maurão de Carvalho apresenta propostas durante entrevistas e reforça compromissos

13 de setembro de 2018

O candidato a governador Maurão de Carvalho, da coligação “Rondônia, unidos somos fortes”, apresentou suas propostas durante entrevistas a emissoras de rádios e TV, além de portal de notícias, em Porto Velho, nesta quarta-feira (12).

Ele debateu seu plano de governo, com destaque para a de construção do novo hospital de urgência e emergência de Porto Velho, para substituir o pronto-socorro João Paulo II, e a proposta para que os policiais militares de folga, de forma voluntária, possam atuar no reforço à segurança, sendo claro remunerados por isso.

“Essa minha proposta para o uso de policiais militares na folga para reforçar o trabalho da segurança tem amparo legal, será oferecida essa oportunidades aos profissionais de segurança que quiserem, sendo remunerados proporcionalmente para esta finalidade. Podemos debater com a tropa esta iniciativa, pois nosso plano está sendo construído com o diálogo com a sociedade”, destacou.

Ainda para a segurança pública, o candidato disse que a intenção é investir em sistemas de videomonitoramento, para coibir as práticas criminosas, além de permitir uma ação mais rápida da polícia e também uma investigação para a elucidação de possíveis crimes, mais facilitada.

Maurão de Carvalho garantiu que vai retomar e concluir as obras do Hospital de Urgência e Emergência (Heuro), que hoje estão paralisadas. “O João Paulo II não oferece mais as plenas condições de atendimento aos pacientes, nem de trabalho aos profissionais. É uma necessidade essa nova unidade e vamos nos dedicar á conclusão das obras”, assegurou.

Maurão falou também sobre o agronegócio, destacando que a regularização fundiária terá uma atenção especial em seu Governo, além do apoio técnico, com o fortalecimento da Emater, e a nova atualização do Zoneamento Socio-Ecológico e Econômico, para a definição das áreas produtivas.

O apoio aos municípios, com a parceria com as prefeituras para obras e ações que beneficiem a população também foi defendida pelo candidato. A educação também foi abordada, com destaque para a ampliação das escolas integrais, valorização dos servidores e celeridade nos processos de aposentadorias, que hoje demora anos, impedindo que haja uma diminuição da folha salarial da educação.

“É importante que eu, como candidato, possa mostrar um pouco do trabalho que já desenvolvi e as minhas propostas para promover ainda mais desenvolvimento para Rondônia. Tenho feito uma campanha limpa, propositiva e com muita fé no nosso Estado e na sua gente”, finalizou.